Skip to main content

Como fazer Bibliografia ABNT

Para realizar um trabalho acadêmico é preciso seguir as normas determinadas pela ABNT – Associação Brasileira de Normas Técnicas, pois assim todos os trabalhos ficarão padronizados, facilitando para quem corrige e também para quem ler estes trabalhos.

A ABNT é uma instituição sem fins lucrativos e cada instituição pode vir a adotar as normas estipuladas por esta Associação, ou não.

Ao estipular tais normas, a ABNT procura padronizar os trabalhos, para que eles tenham uma linguagem uniforme. E são vários itens que precisamos observar para que o trabalho fique totalmente dentro do que estabelece a ABNT e um dos itens a ser observado é a “Bibliografia” que é a parte do trabalho onde iremos registrar todos os livros, documentos, impressos e todas as demais gravações sobre um tema que tenha servido de inspiração para nossa pesquisa.

bibliografia-02

A Importância de uma Bibliografia na sua monografia

Em uma bibliografia devemos inserir todas as referências bibliográficas, identificando cada uma das referências que utilizamos no trabalho, podendo utilizar vários elementos como o autor, editora, locação da edição, título, etc.

Sempre escrevemos um trabalho, seja para a faculdade ou uma escola, sempre fazemos várias pesquisas em outros trabalhos já realizados, em livros, declarações, pesquisas, etc., sendo mais do que justo que venhamos a dar crédito a estas pessoas que serviram de inspiração para nós, nos esclareceram dúvidas e nos ajudou a esclarecer alguma questão.

Por isto é tão importante que saibamos fazer a bibliografia corretamente, pois ela é de grande importância dentro do trabalho que realizamos.

Como fazer corretamente uma Bibliografia ABNT

As instituições de ensino sempre exigem a Bibliografia nos trabalhos solicitados porque sabem que obrigatoriamente os alunos irã precisar recorrer a muitas fontes de informações, pesquisando trabalhos de outras pessoas.

bibliografia-03

Sendo assim, sempre que copiarmos um texto, ou simplesmente uma frase e até mesmo a ideia de uma outra pessoa, que tenha publicado em um livro, site ou qualquer mídia, precisamos mostrar de onde buscamos aquela informação.

Uma forma fácil de fazermos a bibliografia é ir anotando, à medida em que desenvolvemos o trabalho, todas as fontes que serão citadas, assim, quando chegarmos ao final já estaremos com esta parte pronta e sem erros, além de ganharmos tempo. Se deixar para fazer a bibliografia no final do trabalho, as chances de cometer erros serão grandes, além de tempo que irá perder.

Quanto à formatação, atente-se para os seguintes detalhes:
Sempre que citar nome de livro ou revista, este deverá estar sempre sublinhado.
Coloque a bibliografia toda em ordem alfabética.

Para autoria pessoal, sempre inicie com o último sobrenome e em letras maiúsculas, em seguida vem os prenomes, por exemplo:
RAMOS, Marília Queirós da Silva.

No caso dos sobrenomes que indicam parentesco seria:
MACHADO NETO, Antônio Luís.

Para bibliografia de jornais, vem o título do artigo, título do jornal, o ano, mês, dias e número das páginas usadas. Se este artigo tem um autor, então coloque-o antes do artigo.

Em bibliografia de filmes, vem o nome do filme, depois o seu realizador, o editor e por fim o ano.
Para bibliografia de CDs comece com o nome do artigo, seguido pelo nome do CD, o local, editor e ano.

bibliografia-01

E como é cada vez mais comum realizar pesquisas na internet, neste caso a bibliografia deverá ter:
o último nome, depois o primeiro nome, o título da página, a data em que acessou o site para realizar a pesquisa e a organização, pessoa ou empresa responsável por todo o conteúdo do site. E insira o endereço do site sempre entre os caracteres < >.

Como utilizar EPÍGRAFE nas regras ABNT

“Epígrafe” trata-se de um título ou até mesmo uma frase que é utilizada como o tema para um determinado assunto, ou uma introdução para o mesmo. Quando se trata de uma obra literária, sempre é preciso tomar o cuidado de ter uma Epígrafe mais curta, uma breve citação, sempre no início da página ou então, podendo vir de forma mais destacada quando se inicia um novo capítulo.

É como se fosse um pequeno resumo que dá ao leitor uma ideia do que ele irá ler a seguir.

Mas quando se trata de uma Monografia ou até mesmo um TCC – Trabalho de Conclusão de Curso, aí já é diferente, porque a epígrafe já passa a ser um simples elemento opcional.

Porém, quando utilizada de forma correta, a Epígrafe enriquece o trabalho, devendo vir sempre no início de cada novo título e sempre deverá ser relacionada ao tema que será abordado.

Utilizando Epígrafe pelas regras da ABNT

Pelas normas da ABNT, a Epígrafe nunca deve ser um título – EPÍGRAFE – que vem no topo da página, o indicado é que seja feita uma citação no final da folha, com fonte tamanho 12, utilizando Itálico, vindo entre aspas e com alinhamento justificado.

epigrafe-02

O Recuo deve ser de 7,5 cm à esquerda e Espaço de 1,5 entrelinhas. E o autor da citação sempre deverá vir entre parênteses com alinhamento à direita.

epigrafe-02

Quando se faz um trabalho, é comum que o autor tenha uma inspiração, ou queira utilizar uma frase para dar mais força ao trabalho. E claro que o autor do trabalho vai querer passar para a banca de avaliadores esta sua inspiração e isto pode ser feito, porém, dentro de um espaço próprio para registrar as inspirações e pensamentos que tenham influenciado o trabalho realizado.

Definição de Epígrafe pelas regras ABNT

Trata-se de uma página na qual o autor poderá inserir sua citação ou então a sua inspiração para o trabalho feito, ou uma frase que o tenha motivado à realização do trabalho.

epigrafe-03

Mas isto não significa que a citação precisa ser diretamente relacionada ao tema do trabalho, o importante é que a Epígrafe neste caso, tenha alguma relação com a inspiração que levou o autor ao desenvolvimento do trabalho.

O autor poderá utilizar a Epígrafe antes de partes do trabalho que sejam importantes, por exemplo, um determinado capítulo ou nas seções que forem maiores, utilizando pensamentos ou citações diferentes.
Mas no caso do autor utilizar várias Epígrafes, deverá manter uma padronização na formatação de todas elas.

Se o autor do trabalho optar pelo tamanho 10 para a fonte, então deverá escolher a fonte Arial e no caso de ser tamanho 12, a fonte utilizada deverá ser a Times New Roman.

E lembrando que, a Epígrafe tanto pode vir sozinha, separada em uma página exclusiva, logo no início do trabalho, ou se o autor preferir, poderá estar nas páginas de abertura dos capítulos principais.
Se utilizar a Epígrafe no início do trabalho, lembre-se de manter a mesma fonte do texto e sempre insira a autoria a citação logo abaixo, mas não precisa inserir a referência, basta o autor.

Como fazer SUMÁRIO nas Normas ABNT

Devemos lembrar que as normas da ABNT são indispensáveis para que os trabalhos possam contar com uma uniformidade, uma padronização e assim fique muito mais fácil de ser compreendido por todos aqueles que o acessarem e também para os pesquisadores.

A ABNT está sempre revisando suas normas, procurando mantê-las atualizadas e fazer com que os trabalhos fiquem cada vez mais simples para quem está lendo. Um trabalho quando obedece um padrão, fica muito mais fácil de ser compreendido, não há dúvidas.

São poucas as mudanças que a ABNT realiza em suas normas, mas é preciso ficar sempre muito atento a elas, para garantir que o trabalho estará seguindo à risca, todas as normas que são estipuladas por ela.

sumario-abnt-04

Uma das principais dúvidas é no que diz respeito ao Sumário e ele é um dos itens presentes em todo o trabalho e precisa ser muito bem feito e estar rigorosamente dentro das normas da ABNT, pois é ele que vai apresentar todas as enumerações das páginas e também as seções do trabalho, tendo um alinhamento à esquerda, sem recuo, entre outros detalhes, conforme veremos abaixo.

O Sumário de acordo com as normas da ABNT

O “Sumário” é onde indicamos no trabalho, de acordo com as normas da ABNT, todas as divisões contidas em nosso trabalho, ou seja, você irá inserir os capítulos, as seções, as partes, entre outros. E estas descrições no Sumário precisam obedecer a ordem em que aparecem no trabalho.

sumario-abnt-05

E todos os espaços vazios que ficam entre a última palavra e o número da página deverão ser preenchidos com pontos, para ficar com a estética perfeita. Só tenha cuidado para não confundir um Sumário com um Índice ou então uma Lista, pois cada um tem suas próprias características ou funções.

sumario-abnt-03

E uma obrigatoriedade é que o Sumário sempre esteja antes mesmo da introdução, ficando logo no início do trabalho. Esta obrigação é para que seja possível uma rápida localização do que se deseja encontrar dentro do trabalho.

E é preciso ainda, seguir a mesma forma que foi empregada no trabalho.

O Sumário deve seguir todas as normas da ABNT

E a ABNT passou a recomendar que seja feito o alinhamento entre a numeração e os títulos de cada um dos capítulos presentes no trabalho, mas a norma diz apenas que é recomendável e não uma obrigatoriedade esta padronização do alinhamento entre os textos dos títulos.

Só que mesmo antes desta norma ser adotada, muitos já tinham adotado esta prática.

sumario-abnt-02

Uma dica importante para não ter erro na hora de fazer o Sumário, é lembrar que ele é sempre uma das últimas tarefas que deverão ser feitas, afinal, ele só pode ser realmente concluído se já tivermos o trabalho pronto para ser enumerado, com todas as suas divisões, seções, capítulos, etc.

Lembre-se de deixar a palavra “SUMÁRIO” sempre centralizada, toda em letras maiúsculas, em negrito e sempre utilizando a mesma tipologia da fonte que foi empregada nas seções primárias.

A palavra “Sumário” deverá ficar separada do texto utilizando um espaço de 1,5 entrelinhas.

Conclusão ABNT – Concluindo sua monografia corretamente

A “Conclusão” de um trabalho, seguindo as normas da ABNT, é onde será feita a conclusão final de tudo que foi comentado ao longo do trabalho e também os objetivos. O importante é que ao mencionar os objetivos se tenha uma conclusão para cada um deles, mostrando assim que os objetivos propostos no trabalho foram alcançados.

Mas a Conclusão do trabalho também pode trazer além dos objetivos, as hipóteses, sendo assim, podemos entender que a Conclusão de um trabalho, traz a síntese dos resultados do trabalho feito.

A finalidade da Conclusão é fazer como que uma recapitulação dos resultados da pesquisa que foi realizada.

conclusao-abnt-01

Pode, o autor do trabalho, manifestar-se nesta hora, expondo o seu ponto de vista sobre os resultados que conseguiu, além de falar sobre o alcance do seu trabalho e ainda, deixar em aberto algumas abordagens que poderão ser consideradas em outros trabalhos, como que se fossem para servirem de inspiração para as pessoas que pesquisarem o seu trabalho futuramente.

Dicas para fazer uma boa Conclusão pelas normas ABNT

Uma dica importante é não ficar repetitivo, tentar ser mais objetivo e mostrar apenas os resultados que realmente tiveram importância e também, mostrar a contribuição que você estará deixando com o seu trabalho.

Cada autor poderá decidir se quer ou não falar sobre a repercussão do trabalho e neste caso, a grande maioria prefere não abordar este aspecto e é o mais aconselhável mesmo, a não ser que o trabalho tenha realmente, causado uma grande repercussão.

conclusao-abnt-02

Normas ABNT para a Conclusão de um trabalho

A Conclusão de um trabalho, seguindo as normas da ABNT é relativamente simples, afinal, quem fez todo o trabalho não encontrará dificuldade para concluí-lo. E as normas para a Conclusão são claras, confira:

  • a Conclusão deverá ser feita em uma nova folha;
  • claro que você vai iniciar nesta folha com a palavra CONCLUSÃO, sendo todas as letras em maiúsculo, em negrito e no tamanho 4;
  • a borda superior deverá ser de 8 cm;
  • e lembre-se que a numeração dos capítulos sempre deve ser em números romanos e na ordem sequencial.

Outro detalhe importante a ser observado é que o espaço deve ser de 1,5 entre linhas e agora é só analisar todos os objetivos que foram propostos em seu trabalho e assim, você deverá apresentá-los e inserir os argumentos que forem necessários para demonstrar que tais objetivos foram alcançados, mostrando então, os resultados.

Nada impede que você pegue um modelo pronto de algum trabalho para que possa ver como a Conclusão é feita, mas claro que esta Conclusão já pronta lhe servirá apenas de exemplo, o que vai facilitar para você fazer a Conclusão de seu próprio trabalho.

conclusao-abnt-03

A nota final de um trabalho é baseada em cada uma das partes, então não tem sentido você se esforçar para fazer um excelente trabalho e no final, no momento da Conclusão, acabar perdendo pontos.

Procure não ter pressa no momento de desenvolver a Conclusão e se for o caso, leia e releia o seu trabalho, pois na Conclusão você vai ter que mostrar em poucas linhas que está totalmente inteirado com os objetivos lançados e os resultados obtidos.

Como utilizar Tabelas nas Regras ABNT

Se você está fazendo um trabalho e precisa seguir as regras da ABNT, precisa ficar atento quando precisar incluir tabelas, porque apesar delas ajudarem a deixar as informações mais organizadas, precisam ser feitas da forma correta, de acordo com as normas estabelecidas.

Utilizando Tabelas no formato ABNT adequadamente

Para começar é bom lembrarmos que a tabela, de acordo com as regras da ABNT, precisam ficar com os lados esquerdo e direito abertos.

O que fica fechado é a parte superior e também a parte inferior e jamais deverão ser utilizados traços horizontais e nem verticais para separar os números.

tabela-abnt-04

 

Quem já está acostumado a utilizar tabelas no Word ou até mesmo no Excel, precisa ficar muito atento porque pelas regras da ABNT o visual da tabela fica bem diferente do que estamos acostumados a ver.

Nas tabelas dos softwares mais utilizados, como no Office, os quadros ficam totalmente fechados, utilizando dos traços horizontais e verticais para dividir toda a tabela e manter as informações visivelmente separadas por estes traços, mas pelas regras da ABNT, o resultado fica bem diferente deste.

tabela-abnt-03

Você vai ter que observar que a Tabela vai estar bem próxima ao texto no qual foi mencionada e o título deverá ficar logo acima da tabela e precisa ser numerado, usando a fonte no tamanho 10, com alinhamento centralizado e o espaçamento utilizado é o simples.

Por fim, logo abaixo da tabela deverá ser citada a fonte dos dados nela contidos.

Confira outras informações sobre como utilizar as Tabelas pelas regras da ABNT

As tabelas sempre deverão ser delimitadas na parte de cima e também na de baixo, utilizando traços na horizontal que podem ser um pouco mais fortes que os traços utilizados nas linhas da parte interna da tabela.

  • Jamais deve-se utilizar traços verticais para delimitar a tabela em suas partes externas.
  • Utilize traços horizontais para delimitar o cabeçalho.
  • Lembre-se que toda tabela deve ter o seu próprio significado.
  • Numere cada uma das tabelas sempre utilizando algarismos arábicos.

Uma observação que não pode deixar de ser feita é quanto a parte estética da tabela, algo que geralmente é deixado de lado.

tabela-abnt-05

Fique atento aos dados que estão disponíveis em sua tabela, porque toda tabela tem a função exclusiva de informar, apresentando dados, então cuidado para não deixar uma quantidade muito grande de espaços em branco, pois isto é muito ruim para o seu trabalho, pois vai ficar parecendo que a tabela ficou perdida ou incompleta.

Outra questão muito importante a ser observada é quando acontece da tabela precisar ser dividida em mais de uma página, pois neste caso será preciso repetir o Cabeçalho em todas as páginas, sendo que o Título continuará apenas na primeira.

Em cada nova página utiliza-se o “continua” e na última insere o “conclusão”.

Se você tem uma tabela com poucas colunas e um número maior de linhas, poderá conseguir uma organização melhor, colocando a tabela lado a lado, sendo que as partes verticais deverão ser separadas utilizando 2 traços verticais e os cabeçalhos das colunas em ambas.

Como fazer AGRADECIMENTOS nas Normas ABNT

Quando se está fazendo um trabalho que segue as normas da ABNT, é preciso cuidado no item “Agradecimentos”, pois este é um espaço onde o autor do trabalho poderá agradecer a todas aquelas pessoas que, de alguma forma, contribuíram para que o trabalho pudesse ser realizado.

O “Título” deverá ser em caixa alta, negrito e a fonte em tamanho 12. Deverá ainda ser centralizado e entrelinhas de 1,5.

Já o texto dos “Agradecimentos” deverá ter fonte tamanho 12, entrelinhas de 1,5 e o alinhamento deverá ser justificado.

O “Agradecimento” pode ser dirigido tanto a pessoas como também a empresas e instituições que de alguma forma contribuíram para a realização do trabalho.

E justamente pelo fato de que cada trabalho apresentará um número variado de agradecimentos, então não existem limites de linhas para que o autor do trabalho possa expressar toda sua gratidão aos colaboradores.

Modelos de Agradecimentos em trabalhos, pelas normas da ABNT

Confira abaixo um modelo de Agradecimentos conforme as normas da ABNT:

AGRADECIMENTOS

A Deus por me dar saúde e muita força para superar todas as dificuldades.
A esta faculdade e todo seu corpo docente, além da direção e administração que me proporcionaram as condições necessárias para que eu alcançasse meus objetivos.
Ao meu orientador (nome), por todo o tempo que dedicou a me ajudar durante o processo de realização deste trabalho.
Aos meus pais, por todo o amor que me deram, além da educação, ensinamentos e apoio.
E enfim, a todos que contribuíram para a realização deste trabalho, seja de forma direta ou indireta, fica registrado aqui, o meu muito obrigado!

 

agradecimentos-02
Modelo 02

 

agradecimentos-01
Modelo 03

Modelos de Agradecimento à Deus

Agradeço a Deus por ter me dado saúde e inteligência para superar todas as dificuldades e conseguir chegar onde hoje estou.

Agradeço ao bom Deus, pela minha vida, a vida dos meus pais, familiares e amigos.

Primeiramente agradeço a Deus que permitiu que este momento fosse vivido por mim, trazendo alegria aos meus pais e a todos que contribuíram para a realização deste trabalho.

Modelos de Agradecimento a Universidade

A esta instituição pelo excelente ambiente oferecido aos seus alunos e os profissionais qualificados que disponibiliza para nos ensinar.

A universidade (nome) por ter nos dado a oportunidade de realizar este curso.

A esta universidade e todo seu corpo docente, além da direção e a administração, que realizam seu trabalho com tanto amor e dedicação, trabalhando incansavelmente para que nós, alunos, possamos contar com um ensino de extrema qualidade.

Modelos de Agradecimento aos Professores

Agradeço ao meu professor (nome) por toda orientação e ajuda que me foram dados.

Agradeço a este meu orientador, (nome), pela paciência, dedicação e ensinamentos que possibilitaram que eu realizasse este trabalho.

À Professora (nome) por toda sua atenção, dedicação e esforço para que eu pudesse ter confiança e segurança na realização deste trabalho.

Modelos de Agradecimento a Parentes e Amigos

Agradeço aos meus pais, pelo amor, carinho, paciência e seus ensinamentos.

Agradeço de forma especial ao meu pai (nome) e à minha mãe (nome), por não medirem esforços para que eu pudesse levar meus estudos adiante.

Agradeço aos meus amigos, por confiarem em mim e estarem do meu lado em todos os momentos da vida.

O que significa ABNT

A ABNT é o órgão que tem a responsabilidade de definir a normalização técnica em nosso país e significa “Associação Brasileira de Normas Técnicas”. Cabe à ABNT, encaminhar ao Comitê Técnico, a solicitação para a verificação de um determinado tema, quando se faz necessário. O projeto será desenvolvido depois de submetido a uma consulta nacional.

significado-abnt-04

E será neste processo que o projeto elaborado pela Comissão, será submetido ao parecer da sociedade e durante este processo qualquer cidadão poderá dar sua opinião, sendo tudo feito de forma gratuita, sem nenhum ônus e posteriormente será encaminhado à Comissão de Estudo, responsável pela aprovação do texto, ou então a não aprovação, sendo que sempre serão apresentadas as objeções que venham a justificar a tal manifestação, seja ela favorável ou contra.

Importância das Normas da ABNT

É muito comum que os estudantes consultem a ABNT para conhecer suas normas referentes aos trabalhos de escolas, faculdades e universidades, consultando também as normas referentes a teses, monografias e até dissertações.

significado-abnt-03

É importante que se tenha um padrão para tudo o que lemos, pois isto facilita não só a leitura mas principalmente a compreensão do que estamos lendo, pois é possível identificar mais facilmente o produto.

Os trabalhos realizados segundo as normas da ABNT seguem uma padronização, seguindo dimensões, design específico e características que tornam os trabalhos semelhantes, mesmo que possuam conteúdos diferentes, mas a formatação é sempre a mesma para todos.

Com as normas da ABNT, todos os alunos passam a utilizar os mesmos formatos para o tamanho da fonte, bibliografia, configuração das páginas, citações, figuras, dedicatória, numeração das páginas, entre outros elementos.

significado-abnt-01

A intenção da ABNT é fazer com que as instituições possam ordenar e também padronizar os trabalhos que são feitos pelos alunos, que deverão consultar as normas da ABNT sempre que houver alguma dúvida no desenvolvido do conteúdo e a configuração da página e do texto.

Exemplos de Normas da ABNT

Há várias normas que os alunos deverão consultar para a realização de seus trabalhos, por exemplo:

  • Norma NBR 6023: esta é uma norma muito importante porque se refere aos critérios a serem utilizados, assim como a ordem das referências que serão utilizadas, além de tratar da transcrição e dados que foram retirados de outros documentos.
  • Norma NBR 15287: nesta norma encontramos todas as informações a respeito dos procedimentos para projeto de pesquisa.
  • Norma NBR 6024: traz informações a respeito do sistema de numeração progressiva que será utilizado nos títulos, subtítulos e outros objetos do trabalho.

Antigamente, as normas da ABNT eram consultadas nas bibliotecas públicas, mas hoje em dia, com o advento da internet, ficou mais fácil consultá-las através do próprio site da ABNT: www.abnt.org.br

Desde a década de 50 que a ABNT disponibiliza programas para certificação de vários produtos, sistemas e até rotulagem ambiental.

No site da ABNT – Associação Brasileira de Normas Técnicas – é possível realizar uma série de consultas, conhecer a história da instituição, verificar as normas publicadas, as consultas nacionais, entre várias outras informações.

Como Fazer Folha de Rosto

Quando vamos criar um trabalho dentro das normas da ABNT – Associação Brasileira de Normas Técnica – é preciso ficar atento a vários detalhes, pois as medidas das margens, configuração da folha, tamanho e modelo das fontes, tudo isto precisa seguir uma padronização. Isto se faz necessário porque desta forma todos os trabalhos estarão seguindo uma mesma estrutura, o que facilita para ler e entender todo o conteúdo.

A “Folha de Rosto” é uma das etapas a serem feitas, pois precisam estar presentes em todos os trabalhos que seguem as normas da ABNT, mas de forma bem simples e objetiva, você pode criar a Folha de Rosto para o seu trabalho.

folha-de-rosto-02

O importante é ficar atento a todos os detalhes e ir seguindo o passo a passo para não ficar nada para trás, pois basta um descuido para você acabar perdendo pontos em seu trabalho.

Aprenda a fazer a Folha de Rosto seguindo as normas da ABNT

Para começarmos você deverá primeiramente, digitar o seu nome, sendo necessário que seja o nome completo e que ele esteja todo em letra maiúscula. No final, selecione o seu nome e coloque-o em “Negrito”.

folha-de-rosto-03

O próximo passo é apertar o “Enter” seis vezes, para acrescentar os 6 espaços necessários entre o seu nome e o próximo objeto da nossa Folha de Rosto.

Após os seis Enter você irá incluir novamente o tema de seu trabalho.

Importante lembrarmos que a informação sobre o seu trabalho, que seria a explicação base, é feita com letra no tamanho 12, em minúsculas e com um recuo de 8,5cm.

O texto a ser inserido pode ser baseado neste abaixo:

“Trabalho apresentado à (o nome completo da instituição de ensino e também a sigla, por exemplo, Universidade Federal de Minas Gerais – UFMG) como sendo um requisito parcial para que se possa obter o título de (informe o título conforme o seu caso)

folha-de-rosto-05

Após a inclusão deste texto, é a hora de prepararmos a configuração de parte da página, para isto você irá clicar com o botão direito do mouse e escolher a opção “Parágrafo” e então informar os seguintes dados na janela que será aberta:

  • Recuo esquerda: 8,5 cm
  • Recuo direita: 0 cm
  • Especial: nenhum
  • Espaçamento antes: 0 pt
  • Espaçamento depois: 0 pt
  • Espaçamento entre linhas: Simples

No final da Folha de Rosto, deverá incluir o Local e também o Ano, sempre em maiúsculo e desta forma já terá concluído a folha de rosto do seu trabalho, seguindo as normas técnicas da ABNT.

folha-de-rosto-01

Para você não errar na criação da Folha de Rosto do seu trabalho, o primeiro passo é se lembrar que não poderão faltar nunca, os elementos: Nome da instituição, Nome do autor, Título do trabalho e se houver também o subtítulo, Disciplina, Orientador e por mim o Local e a Data.

Não esqueça também de verificar junto à instituição de ensino, se a mesma possui regras específicas que deverão ser seguidas para a formatação do trabalho, assim você evitar cometer um erro.

Como fazer Citação Direta Curta e Citação Direta Longa

Dentro de um trabalho que segue as normas da ABNT, as citações precisam seguir as regras definidas pela Associação. Porque é de suma importância dar ao seu trabalho a credibilidade que ele tem e para isto utiliza-se as citações que ajudam a firmar as ideias por você expostas.

Citar as ideias de uma outra pessoa é diferente de copiar material alheio, além de fortalecer a sua mensagem passada através do trabalho. E as citações comprovam que o trabalho que você realizou, é resultado de uma ampla pesquisa feita anteriormente e que também demonstra o seu conhecimento sobre o assunto.

Quando temos muitas citações dentro de um trabalho, temos a certeza que o autor é uma pessoa que se interessa pelo assunto, que leu bastante e dominga o que está falando, tanto é que há tantas citações, que são textos de outras pessoas que veem a confirmar todo o trabalho que você realizou.

citacao-direta-05

E pode ter certeza que as citações só vão aumentar a qualidade científica de sua atividade e ainda facilita ao leitor, caso ele queira, comprovar de onde é a fonte dos textos que foram citados, o que permite que este leitor possa se aprofundar no assunto, tendo acesso ao outros trabalhos, que condizem com o que você informou.

Como funciona a  Citação Direta

Agora que conhecemos a importância de uma citação dentro do trabalho, é hora de aprender quais são as citações e de modo especial, a Citação Direta e como fazê-la.

A Citação Direta, de acordo com a norma NBR 10520, trata-se da “transcrição literal da parte da obra do autor consultado” e justamente por isto, nenhum elemento deverá ficar de fora, nem sinais gráficos, pontuações, nada enfim.

Tudo deve ser rigorosamente transferido, sendo mesmo uma cópia fiel do texto citado pelo autor daquela mensagem.

citacao-direta-01

 

E a Citação pode ser Direta ou Curta, vamos aprender a fazer cada uma delas.

Citação Direta Curta

Para fazer uma citação direta curta, temos que respeitar o limite máximo de 3 linhas. E estas 3 linhas deverão ser utilizadas entre aspas. Se for inserida no parágrafo, vem então o nome do autor(es) seguido da data e também do número da página a qual foi consultada.

Mas se a citação direta curta for no final da citação, então vem o sobrenome do autor(es) acompanhado da data e também do número da página referida.

citacao-direta-03

Citação Direta Longa

Para fazermos uma Citação Direta Longa, como é de se supor, deve-se ter mais de 3 linhas e também precisa vir em um parágrafo totalmente distinto, utilizando-se o espaçamento “simples de entrelinhas”.

A fonte deverá ser 10pt e o recuo neste caso deverá ser de 4cm em relação à margem esquerda.

Importante ressaltar que ainda temos a “Citação Direta: Citação da Citação”, que como o nome já diz, é a citação de um texto de um determinado autor que se referiu a um outro autor, devendo ser utilizada apenas quando não há possibilidade de ter acesso ao autor original.

citacao-direta-04

E temos ainda a “Citação Direta – Omissão”, que é um recurso que pode ser utilizado nos casos onde não é preciso citar o texto por completo, de forma integral, mantendo o sentido do texto original inalterado e este recurso é sinalizado pelo uso de reticências entre colchetes, ficando assim:
[…]

Como Fazer Resenha ABNT

Muitas pessoas estão tendo dificuldade para criar uma resenha que siga as normas da ABNT e não é por menos, pois há uma série de detalhes a serem observados e orientações que precisam ser seguidas.

A ABNT – Associação Brasileira de Normas Técnicas – é o órgão que tem a responsabilidade cuidar de toda a normalização técnica no Brasil. A entidade privada, sem fins lucrativos, criou estas normas técnicas de forma que os trabalhos pudessem ser padronizados e a troca de informações fosse feita de forma mais fácil e também mais ágil.

A NBR – Norma Brasileira aprovada pela ABNT, que se refere às resenhas, é voltada para as resenhas que são escritas e impressas, não sendo aplicada às resenhas que são desenvolvidas e disponibilizadas no mundo virtual.

Como fazer uma Resenha

A resenha tem como principal característica, o fato de ser um breve texto, como se fosse um resumo mas que é feito comentando o trabalho realizado. A resenha precisa ter uma ótima qualidade em seu conteúdo e é preciso dominar muito bem as normas da ABNT para que ela fique padronizada.

Todo o texto da resenha deve ser feito de forma uniforme, não podendo conter subdivisões e na primeira folha deverá constar a referência bibliográfica da obra que está sendo comentada.

Resenha-ABNT-01

Ao final da resenha, é que vem o nome, a titulação acadêmica e também a filiação institucional do resenhista. Em uma resenha é sempre bom evitar a citação de outras obras.

Resenha Resumo e Resenha Crítica

A Resenha Resumo, como o próprio nome indica, é aquela onde se faz um resumo do conteúdo, seja do livro, de um capítulo, filme, peça teatral, espetáculo, etc.. Neste tipo de resenha o resenhista nunca deverá fazer qualquer tipo de crítica ou sequer julgamentos de valor. A Resenha Resumo é apenas um informativo, pois o objetivo dela é simplesmente o de informar.

Já a Resenha Crítica tem, não só o resumo da obra, como também irá fazer uma avaliação sobre a mesma, trazendo uma crítica e podendo oferecer ao leitor, os aspectos positivos e negativos segundo o seu ponto de vista. A Resenha Crítica é um texto informativo, mas que também traz a opinião do resenhista.

Resenha crítica
Resenha crítica

Na grande maioria das vezes, a Resenha é feita para divulgar algum material cultural, seja um livro, filme, peça teatral, entre outros e quase sempre é veiculada através de jornais, revistas e agora também pela internet.

Resenha feita pela ABNT

  • Informe os dados bibliográficos a respeito da obra que está sendo resenhada.
  • Lembre-se da sinopse do livro resenhado.
  • Resuma em 3 a 5 parágrafos.
  • Faça uma análise crítica, expressando suas opiniões, podendo até fazer comparações.
  • Faça a recomendação ou não da obra resenhada, podendo especificar se é uma leitura indicada para crianças, jovens, adultos, estudantes, etc.
  • Identifique o autor do conteúdo resenhado.
  • Assine sua resenha e lembre-se de informar as referências feitas na sua resenha, caso as tenha feito.

exemplo-de-resenha-critica-1-638

O texto é com alinhamento justificado e não use negrito e nem espaçamento entre os parágrafos.
Para ser uma boa resenha, lembre-se ainda de garantir um português corretíssimo, ideias claras e uma boa estruturação.